Por Todos.jpg

Sobre nós

Conversar - Achar soluções - Agir - Esse é nosso

Objetivo

Ha mais de seis anos fiz minhas criticas pelas redes sociais,

em busca de justiça social e contra as  injustiça humana,

tudo que eu podia fazer ou achava que podia fazer eram

criticas fortes contra aquilo que eu considero errado, eu

sentia que tudo que eu busquei interpretar em minhas

postagens no  face book  não tinham respaldo de todos

sempre havia considerações contrarias porem, me sinto

hoje gratificado por receber a carta do Papa Francisco,

vejo que alguém realmente pensa com eu, se é um Sergio

da vida, ou um qualquer que fala sobre  temas tão

polêmicos, sempre serão contestados, provavelmente nunca ouviram falar de justiça íntegra, mas quando é um Papa, uma pessoa com status de  um grande líder espiritual reflete muito melhor os seus sentimentos e pode levar a milhares de pessoas a entender.

 

Por esse motivo idealizei esse fórum, para dialogar sobre um assunto tão precioso e necessário, acredito que todos queremos o melhor, acredito que todos queremos justiça e o bem maior para todos, considero que este é único caminho existente que possa levar realmente uma verdade de justiça de dignidade e de direitos humanos, na Bíblia tem mais de 500 textos falando sobre justiça e porque nós não consideramos isso de tanto valor, porque fugimos da verdade, e não constituímos a vontade de Deus que é Justo?

Eu não tenho uma religião, sou Cristão, e entendo que nesse movimento não se deve levantar bandeira de nenhuma religião, este movimento deve ser igualitário para todos independentes de suas crenças.  E buscar alcançar a todos, não só lideranças, mas principalmente a população geral, porque na realidade o interesse deve ser de todos, e quem realmente fará a diferença é o povo unido na justiça de Deus.

A melhor proposta sempre será reconhecida e não importa da onde venha, se de um líder religioso ou do meio do povo, o que importa é saber reconhecer as melhores propostas, assim como reconheço que a proposta do Papa Francisco é sim o caminho correto para todos.

Esse é o sentimento também do Papa Francisco que diz explicitamente que todo Cristão deve promover a justiça e trabalhar não pela maioria e sim por todos, essa é a verdade da justiça de Deus, e aquele que não trabalhar pela justiça buscando todo seu ideal e toda sua dignidade não pode se considerar um cristão, palavra do papa, o que eu sempre considerei assim e já esta transmitido em meus post nas redes sociais. Isso é muito forte, e deve ser muito bem analisado, profundamente isso é uma verdade inegável.

Porque devemos tapar buracos, remendar as situações, alimentar e agasalhar a pobreza se isso é só um meio de tentar restaurar um erro que existe, se pobreza existe é porque há um erro gravíssimo entre nós, e esse erro foi colocado pelas mãos dos homens com sua ganância e seu orgulho, constituíram a miséria que vivemos hoje, e é através, e somente através da justiça dos homens é que justiça poderá ser feita para todos. Melhor distribuição de verbas.

Acreditamos que o poder emana do povo, como diz a constituição Brasileira e que devemos alcançar esse direito.
Acreditamos que temos milhares de conselheiros que podem fazer a diferença.
E esse é o nosso objetivo, alcançar o máximo possível de Conselhos de Direitos, a fim de alcançar os objetivos de todos.
Temos a nossa frente um mar de opiniões; E dentro deste mar de opiniões, quem está certo?
Podemos definir diante de um diálogo, profundo e amplo com que a integridade da moral, ética e dignidade humana nos propõem.
 
* Buscamos os direitos de crianças e adolescentes, idosos, e
de todos, por serem direitos constituídos na constituição
Brasileira.
*Buscamos erradicar a pobreza, por ser direito constituído na
constituição Brasileira.
*Buscamos a dignidade humana por ser direitos constituído na
constituição Brasileira.
*Buscamos moral, ética e justiça 100% porque essa é a
integridade que deve ter o nosso governo e está constituído na
constituição Brasileira.

*Fazer a nossa parte é fazer acontecer.
*E sobre tudo porque corresponde a integridade da moral,
ética, dignidade e justiça.